Facebook Twitter RSS
magnify
Home Dicas da Mila Sistema de Freio: como funciona?
formats

Sistema de Freio: como funciona?

A importância que o sistema de freio tem aos veículos é inquestionável, uma vez que é o sistema que para o automóvel em diversas situações, além de muitas vezes impedir que acidentes ocorram sendo um dos itens que mais afeta a segurança dos passageiros.

É importante que você conheça e entenda bem esse funcionamento para cuidar adequadamente do seu veículo e evitar riscos desnecessários. Por este motivo vamos descobrir e entender como funciona o sistema de freio para que você não tenha problemas com isso!

“Curiosidade: Em veículos leves como carros comuns de passeio, o sistema de freio pode ser encontrado em dois tipos que seriam o de disco e o de tambor, ambos hidráulicos. Já nos automóveis pesados como os caminhões e ônibus, por exemplo, você também pode encontrar o sistema de freios a ar, também conhecidos como pneumáticos.”

  • Qual a função do sistema de freio?

Essa, com toda certeza, você tem uma noção de como responder, afinal de contas, é de conhecimento público que o freio é um sistema composto por diversos mecanismos que desaceleram o veículo até que pare completamente. Ainda assim, ele também é responsável por manter o automóvel fixo enquanto estacionado.

 

  • Quais são os componentes do sistema de freio?

Como citamos anteriormente, esse é um sistema composto de diversos mecanismos que trabalham em conjunto para que tudo funcione adequadamente. Devido a isso, é essencial que você entenda cada um para que cada um deles para compreender como cada peça tem uma importância no desempenho do sistema de freio.

  1. Pedal e Alavanca

Essas são as peças que o motorista tem contato direto durante a condução do automóvel e são responsáveis pelo acionamento do sistema. Ao pressionar-se o pedal todas as rodas do veículo são travadas para desacelerar o veículo. Já quando a alavanca é acionada, somente as rodas traseiras são bloqueadas, por este motivo é recomendado que se use a alavanca somente para mante o veículo inerte.

Quando você ativa o pedal, é transferido um movimento ao chamado servo de freio, e este, por sua vez, transfere ao cilindro mestre, que é responsável por converter a força mecânica em hidráulica. É extremamente importante que o fluido esteja presente para que todo o processo funcione adequadamente.

Atenção: É importante saber que os dois são independentes entre si. Ou seja, enquanto o pedal utiliza o sistema hidráulico para movimentar os componentes que provocam a desaceleração, o freio de mão aciona diretamente os dispositivos de frenagem por meio de um cabo de aço.

 

  1. Disco de freio e tambor

O disco é chamado assim devido ao seu formato semelhante a um CD ou DVD, além disso ele é conectado à roda fazendo um acompanhamento de seu movimento. Normalmente é composto por ferro fundido, carbono, kevlar ou sílica. Nesse sistema é utilizada as pastilhas, que provocam o atrito.

Aqui ainda encontramos a pinça, que é o atuador do sistema a disco. Além de servirem de suporte e proteção para as lonas, a pinça é responsável por provocar o pressionamento delas contra o disco por meio de um ou dois cilindros hidráulicos com pistões internos.

O tambor possui a mesma função que o disco que é gerar atrito para desacelerar o veículo. Seu formato é semelhante ao de uma panela, geralmente está presente nas rodas traseiras do automóvel.

No sistema a tambor encontramos ainda as chamadas sapatas que são movimentadas pelo chamado cilindro de roda. Com um formato de semicírculo, possuem a função de apoiar as lonas de freio, servindo de suporte. São classificadas como primárias, quando a força se aplica no mesmo sentido da rotação do motor, e secundária quando é aplicada em sentido contrário.

 

  1. Servo de Freio

Conhecido também como multiplicador de forças, ele tem a função de aumentar e distribuir a força exercida pelo pedal através do diferencial de pressão. Dessa forma, o condutor pode parar o veículo sem muito esforço, pois ele aproveita o vácuo gerado pelo motor para realizar tal tarefa.

Venha adquirir seu Volkswagen 0 KM na Mila, conheça nosso site! Acompanhe nossa página no Facebook para saber mais dicas e curiosidades sobre automóveis.

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *